O que é osteopatia Benefícios Métodos Osteopatia Crânio Visceral Indicações

O que é osteopatia

Origem

O termo Osteopatia foi criado pelo Dr. Andrew Taylor Still para denominar uma nova filosofia médica desenvolvida através de suas pesquisas e observações clínicas.

O Dr. Still considerava que mesmo uma pequena desordem dentro de uma articulação poderia provocar uma seqüência de sofrimentos ao corpo.

Definição

Osteopatia é uma ciência que consiste no conhecimento exato das estruturas e funções do mecanismo humano (anatômicos, fisiológicos, psicológicos), incluindo a química e a física, como da descoberta de certas leis orgânicas e de fontes de remédio dentro do próprio corpo, que através do tratamento científico (prática osteopática) pode ajudar o organismo a recuperar desorganizações, desarranjos e as doenças. Biografia: A.T.Still, autobiografia, 1 ed. 1897.

A Osteopatia é uma abordagem de diagnóstica e terapêutica manual das disfunções de mobilidade das articulações e dos tecidos em geral no quadro da participação dos mesmos no aparecimento das doenças. Biografia: Academia Internacional de Osteopatia (Bélgica).

Como é feito o tratamento osteopático.

O grande diferencial da Osteopatia é o diagnóstico (diagnóstico osteopático). É a parte mais importante do tratamento, onde damos maior atenção. Considerado como o processo de descoberta do estado e condição física do indivíduo. Através de uma anamnese minuciosa ouvimos atentamente suas queixas, observamos sua expressão facial. No exame físico realizado com bom conhecimento de anatomia topográfica, descritiva e palpatória apreciamos as diferenças que existem entre a anatomia normal e a anatomopatológica.

Temos como princípio investigar a origem do problema.

Através da anatomia palpatória e testes específicos avaliamos toda parte músculo esquelética, visceral e craniana procurando qualquer perda da mobilidade natural das articulações, ligamentos, músculos ou mesmo das vísceras que podem provocar desequilíbrios no estado de saúde local ou à distância. Em determinados casos o paciente atribui uma determinada dor a um tipo de problema que não corresponde à realidade de sua origem. Após essa investigação com os recursos manuais que a osteopatia oferece, traçamos um diagnóstico e determinamos técnicas específicas a serem utilizadas na solução do problema

Todas as partes do corpo funcionam juntas e de forma integrada.

Objetivo do tratamento osteopático.

Se uma das partes está restrita, as restantes deverão sofrer adaptações e compensações, eventualmente levando à inflamação, à dor, à rigidez e a outros problemas de saúde. O objetivo da Osteopatia é remover esses padrões de restrições, de forma que o corpo funcione corretamente.

Bairro - Vl. Monumento - SP- São Paulo - telefone 11 3798-4739
© Copyright 2015 - www.posturaesaude.com.br alexandrebaleroniguerra@gmail.com - Todos os Direitos Reservados